Com a tua cara-metade – Dia dos Namorados

Publicado em 14 de Fevereiro, 2017 Com a tua cara-metade – Dia dos Namorados

As borboletas no estômago, o nó na garganta, a felicidade instintiva e irracional que sentimos quando estamos com a pessoa que amamos. O amor é a escolha que fazemos todos os dias, que devemos preservar e alimentar para que se torne duradouro.

Cultiva o tempo que passam juntos, sem que para isso precises de estar sempre com ela. Se gostas de desportos motorizados, incute-lhe esse espírito e um dia quem sabe, ela poderá gostar tanto ou mais do que tu. Mas faz uma gestão saudável do tempo que passas com ela, preocupando-te também com os seus gostos e atividades.

Mantém por perto quem tem sempre uma palavra de motivação, quem nunca duvida das tuas capacidades, quem acredita em ti, no que tu consegues, em tudo o que tu és capaz.

Afinal de contas…isto é o Amor!

Texto: Evo-press
Fotos: Arquivo