Basaúla cumpre em Inglaterra com as cores de Portugal

Publicado em 02 de Outubro, 2017 Basaúla cumpre em Inglaterra com as cores de Portugal

A edição 2017 do já habitual Motocross das Nações decorreu este fim-de-semana na localidade britânica de Matterley Basin. Com quase quatro dezenas de seleções em confronto, Portugal apresentava-se uma vez mais muito bem representado, com o mundialista Rui Gonçalves na classe MXGP, P. Alberto na classe MX2 e Hugo Basaúla na classe Open.

Após o desaire da edição passada, o objetivo principal para Portugal no dia de sábado, foi garantir o apuramento direto. Em dia de qualificação Basaúla foi o último a entrar em competição aos comandos da sua Kawasaki KX450F, conseguindo um meritório 20º lugar. Fica assim “carimbado” o acesso às finais do dia seguinte. “Hoje foi um dia especialmente complicado para mim, pois apesar de estar a adorar este traçado, tive algumas dificuldades em encaixar e ganhar ritmo. Apesar de tudo os meus companheiros estiveram bastante bem e conseguimos alcançar o objetivo proposto”.

Com a chuva a cair durante toda a noite, o dia de domingo acordou “cinzento” e o traçado completamente destruído. Os quase dois quilómetros do crossódromo de Matterley Basin tornaram-se desde cedo exigentes com os pilotos e motas, tenho mesmo havido algumas desistências.

Hugo Basaúla terminava na 16ª posição da classe Open, que somada às prestações dos outros portugueses em competição, garantiam também a 16ª posição para Portugal nesta edição de 2017.

No final, Hugo comentou: “Hoje já me senti melhor e apesar das condições, consegui rodar entre os quinze primeiros. Na primeira manga estava forte mas uma queda fez-se descer algumas posições. Já na derradeira manga e depois de ter danificado o pedal de travão, a embraiagem da minha mota viria a ceder (não concluiu a manga). No computo geral, foi uma edição difícil num traçado divertido mas muito técnico. Estivemos todos bastante unidos, com um ambiente digno de uma selecção…Quero aproveitar para agradecer a todos aqueles que me apoiaram, à Federação através do Presidente Manuel Marinheiro e Rodrigo Castro, aos mecânicos, assistentes, amigos e família. Obrigado Rui e Paulo, pois mais uma vez juntos, entregamos o nosso melhor por Portugal”.

Classificação Final:

  1. França - 20p
  2. Holanda - 31p
  3. Inglaterra - 32p
  4. Bélgica - 53p
  5. Suiça - 56p

16. Portugal - 125p

A edição 2018 do Motocross das Nações decorrerá em Michigan – Estados Unidos. O conhecido traçado de RedBud MX será palco desta importante competição, onde Portugal procurará uma vez mais o melhor resultado de sempre para o nosso país – 8º´s lugares conquistados em 2001 e 2005, na Bélgica (Namur) e França (Ernée).

Texto: Evo-press
Fotos: FMP - Nuno Larajeira